Schwartzman vira contra Ghem e leva o título no Challenger de Campinas

Written By Podio Sport on segunda-feira, 22 de setembro de 2014 | 11:21


.

Argentino vira duas partidas seguidas e é campeão na Sociedade Hípica




Cabeça de chave 1 do Campeonato Internacional de Tênis de Campinas, o argentino Diego Schwartzman conquistou o título de simples neste domingo. O número 98 do mundo derrotou o gaúcho André Ghem com parciais de 4/6, 6/4 e 7/5, na Sociedade Hípica de Campinas.

Schwartzman venceu o quarto troféu da carreira no circuito Challenger e foi o terceiro argentino a triunfar em Campinas. Os outros foram Máximo González em 2011 e Guido Pella em 2012. O campeão ainda pode fazer a "dobradinha" no torneio, faturando o título de duplas ao lado do compatriota Facundo Bagnis. Os dois encaram Ghem e Fabrício Neis ainda neste domingo.

A maratona de Ghem e Schwartzman começou às 10h, com as vitórias nas semifinais. O gaúcho passou pelo francês Gianni Mina por 6/2 e 7/5, enquanto o cabeça 1 precisou virar diante do também argentino Guido Andreozzi por 5/7, 6/4 e 7/6 (7-5).

Schwartzman fatura quarto Challenger da carreira

Ghem dominou o primeiro set da final, mas Schwartzman reagiu no segundo. O gaúcho abriu 2/0 no começo do terceiro e sofreu o empate. O argentino ganhou confiança e virou para 5/3, game em que teve dois match-points. Ghem lutou e conquistou o empate em 5/5. Porém, Schwartzman manteve a tranquilidade e quebrou o saque do adversário mais uma vez para fechar.

"Estou jogando muito bem. Mas acho que o principal foi o mental e o físico. Estou feliz por ter virado as duas partidas", disse Schwartzman. "Na semifinal, eu não estava tranquilo, fiquei nervoso e falando muito. Mas aprendi com aquela partida", acrescentou.

O argentino também destacou o trabalho da equipe médica em Campinas para ajudá-lo a se recuperar após o primeiro jogo: "As pessoas do departamento aqui trabalharam muito bem. Colocaram gelo nas minhas pernas e me alongaram. Estava bem recuperado. Tive algumas dores durante o jogo, mas fiquei concentrado".

Ghem lamentou ter deixado o jogo escapar após buscar o empate no terceiro set. "Foi um jogo aberto, mas tive muitas chances de tomar a frente e decidir. Tive vantagem no 5/5, fui para um primeiro saque e perdi esse ponto. Era a chance de jogar para ganhar. Mas seguimos adiante. Amanhã devo estar indo para Porto Alegre. Bola para frente", comentou o gaúcho, que atingirá o melhor ranking da carreira na próxima semana, por volta da 170ª colocação. 

Ghem atinge melhor ranking da carreira


A I / Instituto Sports 
Foto / João Pires / Fotojump / Divulgação

0 comentários:

Postar um comentário